sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014

Presidente da LDM diz que liga não tem condições de atender exigências


Homem sério e apaixonado pelo futebol em todas as usas dimensões, seja ele amador ou profissional, o presidente da Liga Desportiva Mossoroense (LDM), Francisco Braz, cansou de tantas humilhações. Ainda não fala em renúncia, mas entende que é chegado o momento de se tomar uma posição definitiva em torno do estádio Professor Manoel Leonardo Nogueira.


Adepto da tese da municipalização, Francisco Braz considera como necessário ouvir com mais atenção as vozes que falam em modernização e, acha ele, passando para o domínio do município, isso pode ser feito. "A Liga não reúne condições de atender o que vem sendo posto, por isso quero conversar e discutir essa proposta", disse o presidente. Na quarta-feira, minutos antes de começar a partida entre Potiguar e Coríntians, o Corpo de Bombeiros fez novas exigências em relação aos carros-pipas presentes e atrasou em torno de uma hora o início do jogo.

PERMUTA
Mesmo sem o dirigente da LDM falar em permuta, pois defende a existência do Nogueirão no local em que se encontra, é sabido que na cidade também se discute a possibilidade de permuta. Que seria o terreno onde se encontra o atual estádio ser repassado a um ou grupo de empresários e, em troca, receberia, em outro local da cidade, um estádio com maior capacidade de público e estrutura moderna. Essa proposta tem defensores, principalmente dentro da Câmara Municipal de Mossoró.

Fonte O Mossoroense

Um comentário: