domingo, 10 de agosto de 2014

Papa convoca Ronaldinho para jogo pela paz

Ronaldinho mostra convite do Papa / Reprodução Instagram


Ronaldinho Gaúcho, embora esteja sem clube desde que anunciou a saída do Atlético-MG, recebeu um convite para jogar uma pelada.

O chamado desta vez veio do Papa Francisco.

Ronaldinho postou em seu Instagram o convite enviado pelo Papa.

Nele, “Ronaldo de Assis Moreira” é chamado para participar no dia 1 de setembro de um jogo no Estádio Olímpico de Roma, no que é chamada de a Primeira Partida de Futebol Interreligiosa a Favor da Paz.

“Muito honrado e feliz por ter sido convidado para um jogo tão importante no Vaticano a convite do Papa. Muito emocionado!”, disse Ronaldinho.

Por Band Esportes

James Rodríguez recebe Chuteira de Ouro

James Rodríguez foi artilheiro da Copa com seis gols em cinco jogos Antonio Villalba Real Madrid 600x280.jpg


O meio-campista colombiano James Rodríguez, do Real Madrid, recebeu na manhã desta sexta-feira (8) a Chuteira de Ouro da Copa do Mundo.

O artilheiro do torneio conquistou o prêmio devido aos seis gols marcados em cinco jogos no Brasil, na histórica campanha da seleção "cafetera" até as quartas de final.

Ele aproveitou para posar com a honraria nas dependências do clube espanhol e declarou estar orgulhoso pela marca alcançada no torneio.

- Um sonho que se tornou realidade. Estou orgulhoso e espero poder ganhar mais [títulos]. Creio que estou no time certo para conquistar isso, afirmou o atleta de 23 anos.

Além de ter balançado as redes em cinco oportunidades durante o mundial, James Rodríguez também deu duas assistências e foi escolhido como protagonista do gol mais bonito da Copa.

Fonte Band Sportes

Roberto Fernandes escreve nova história do Pará


O treinador Roberto Fernandes, do Clube do Remo, chegou ao clube para um desafio, que talvez seja o maior da sua carreira. O Remo sem série, precisando ganhar o Campeonato Paraense, algo que não acontecia havia seis anos.

O futebol do Pará se especializou, nos últimos anos, em queimar treinadores, a lista é extensa: Paulo Comelli, Roberval Davino, Givanildo Oliveira, Artuzinho, Flávio Araújo e muitos outros. São treinadores que chegam com currículo invejável, foram embora com resultados comprometedores, mas já no próximo clube, se tornaram campeões e conseguiram acessos no brasileiro e nos mais importantes campeonatos estaduais do Brasil. O próprio Vica está sofrendo isso no Paysandu, depois de ressuscitar o Santa Cruz, veio para o Paysandu e não sabe o que é vitória na Série C e nem na Copa do Brasil.

Roberto Fernandes, que comecei citando, não só ganhou o Campeonato Paraense, como está na luta pelo título da Série D com o Remo e está invicto na competição.

Roberto Fernandes é da nova safra de treinadores do Brasil, treinou times das Séries A e B e hoje, aposta pela primeira vez em um projeto da Série D. É mais um treinador vítima da panelinha da Série A, onde os clubes fazem um rodízio de treinadores, apesar, de que essa realidade está diminuindo, com os clubes dando oportunidade até para treinador importados.

A razão para esse relato da queimação de treinadores é infelizmente, a falta de estrutura do futebol do Pará e o amadorismo de seus dirigentes. No Pará não adianta chegar, pegar o apito, bolas e coletes e dar treino. É preciso ensinar o básico, cobrar o básico e, ainda, administrar a vaidade entre dirigentes, o fator principal para a queda do treinador Mazola Júnior no Paysandu.

Com dificuldades em todos os sentidos, até de treinamento, os treinadores que chegam com a bagagem de bons resultados, passam a padecer e, com uma cobrança digna de Seleção Brasileira. É isso mesmo, no Pará os estádios são lotados de torcedores, uma imprensa osso duro de roer e os resultados precisam ser de imediato.

Claro que os “treineiros” não são tão vítimas assim, devem pegar informação antes de chegar para trabalhar, mas ou eles são de desafios ou acabam não sabendo o tamanho da bronca. Sem esquecer, que também no futebol paraense, bem lá atrás, outros treinadores se mostraram para o Brasil como: Paulo Bonamigo, Cuca, Ivo Wortmam, entre outros.

Esse relato todo, não busca de forma alguma diminuir o futebol paraense, mas mostrar a realidade de um local onde um dia, teve resultados significativos, porém em quanto parou no tempo, outras praças se fortaleceram. Exemplo maior disso, é o próprio Sampaio Corrêa-MA que está na Série B, depois que o futebol maranhense beijou a lona. E lá, o treinador que é ídolo, foi demitido do Remo sendo chamado de incompetente, no caso, o Flávio Araújo, Rei do Acesso.

Então quando o telefone tocar, já sabe: Você que é treinador, venha com ferradura e com muita coragem para o Pará.

Por Abner Luiz via AFI

ABC perde para o Vasco e contabiliza 3ª derrota seguida na Série B

Vascaínos comemora gol na Arena das Dunas (Foto: Wellington Rocha)

O ABC recebeu o Vasco da Gama na tarde deste sábado (9), na Arena das Dunas, e saiu de campo derrotado por 2 a 1. Os gols da partida foram marcados por Dênis Marques, de pênalti, para a equipe abecedista, enquanto Kléber e Douglas fizeram os gols dos visitantes. O duelo foi válido pela 15ª rodada da Segunda Divisão do Campeonato Brasileiro.

Com o resultado negativo, o Alvinegro potiguar permaneceu com 20 pontos e caiu uma posição na classificação, agora ocupa o 12º lugar. O revés deste sábado foi o quarto consecutivo da equipe abecedista na temporada. Já o time vascaíno, chegou aos 25 pontos e subiu para a 5ª colocação, um ponto atrás do 4º colocado, Joinville.

Na próxima rodada, a 16ª da Série B, o ABC enfrenta a Portuguesa, na terça-feira (12), às 19h30, novamente na Arena das Dunas. Pela mesma rodada, a equipe carioca vai encarar o líder Ceará, no sábado (16), às 16h20, no Estádio São Januário. Antes disso, o Vasco enfrenta o Náutico, na terça-feira (12), às 21h, na Arena Pernambuco, em partida atrasada da 5ª rodada.

Por Heilysmar Lima Foto Wellington Rocha

Boa Esporte bate América-RN e continua imbatível pós Copa

Clébson dá show e Boa Esporte vence o América-RN (Foto: Reprodução Premiere FC)


O Boa Esporte segue imbatível após a parada da Copa do Mundo. Na noite deste sábado 9, no encerramento da 15ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, o time mineiro fez mais uma vítima ao derrotar o América-RN, por 3 a 2, no Estádio Dilzon Melo, em Varginha. Os mineiros abriram 3 a 0, foram surpreendidos nos minutos finais com dois gols de Daniel Costa, mas confirmaram a vitória

Desde a volta da Série B, o time mineiro venceu quatro partidas e empatou outra. Com isto, deixou a zona de rebaixamento e subiu para o 11º lugar, com 21 pontos. O América-RN perdeu a segunda seguida e caiu para 13º, com 20.

Próximos jogos
Os dois times voltam a campo no próximo sábado. O Boa Esporte encara o Sampaio Corrêa, novamente no Estádio do Melão, em Varginha, às 21 horas, enquanto o América-RN enfrenta o Icasa, às 16h20, no Estádio Romeirão, em Juazeiro do Norte.

Por Agência Futebol Interior Foto Reprodução Premiere FC