sábado, 25 de julho de 2015

Primeira Copa Cabugi de Futebol Society terá prosseguimento neste final de semana!



A I Copa Cabugi de Tutebol Society terá prosseguimento neste final de semana com jogos neste sábado e domingo, dias 25 e 26 de Julho. Com a realização de dois duelos neste sábado 25, a Copa Cabugi continua a todo vapor e, logo mais, às 15h40 jogão Verdão vs Independente e as 16h25 será a vez de A Bagaceira vs Catururé.

Completando a 2ª rodada, no domingo 26, o Empurra o Jegue e o Botafogo se enfrentam as 07h30 e fechando mais uma rodada Os Caiçaras e Os Zicas disputam seus primeiros três pontos. Na 1ª rodada tivemos dois embates, na abertura tivemos o empate de 1 a 1, entre Os Largados vs Fut Jardim. Em seguida, o Tira sossego venceu o Pastelão por 4 a 3. 

A competição é promovida por Lázaro José e equipe tendo o total apoio de Rodrigo Fernandes que nos últimos anos vem se tornando referencia em apoiar eventos esportivos na cidade de Jardim do Seridó-RN.

Toronto 2015: Handebol feminino vence Argentina e leva o ouro

AFP

A Seleção Brasileira de handebol feminino levou mais um ouro pan-americano na noite desta sexta-feira. Jogando contra a Argentina, o time verde-amarelo venceu por 25 a 20 e chegou ao quinto ouro consecutivo no Pan.

O grande destaque da equipe brasileira foi Alexandra, autora de seis gols em 11 tentativas. As comandadas de Morten Soubak recuperaram-se de um mau início no primeiro tempo, quando chegaram a ficar quatro pontos atrás das argentinas, mas conseguiram uma virada por 10 a 9 aos 15 minutos finais ainda da etapa inicial e não ficaram mais atrás do placar.

O grande momento brasileiro no jogo foi o início da segunda etapa, quando Alexandra, Dani Piedade e cia abriram 10 pontos de vantagem sobre as argentinas e apenas administraram até o final. Nas arquibancadas, a torcida verde e amarela, que estava em maioria, gritava "olé" em algumas trocas de passes do time brasileiro, e foi ao delírio com o final da partida.

Foi a quinta medalha de ouro consecutiva do brasil no handebol feminino dos Jogos Pan-Americanos. Desde a edição de Winnipeg 1999 nenhuma outra seleção sobe ao lugar mais alto do pódio na modalidade. Dos cinco títulos, três deles foram conquistados contra as argentinas: além de Toronto 2015, Santo Domingo 2003 e Guadalajara 2011.

Dobradinha pode sair neste sábado - O handebol brasileiro ainda pode fazer uma 'dobradinha' nos Jogos Pan-Americanos de Toronto. Além do ouro feminino, o Time Brasil pode levar o título no masculino. Para isso, a Seleção Brasileira entrará em campo às 21h (de Brasília) deste sábado, também contra a Argentina, para a grande final da chave dos homens.

Fonte Gazeta Esportiva Foto Divulgação

Toronto 2015: Seleção de basquete passa sufoco, mas bate dominicanos e vai à final


A Seleção Brasileira de basquete está na final dos Jogos Pan-Americanos pela oitava vez na história. Na semifinal disputada com a República Dominicana na tarde desta sexta-feira 24, a equipe passou por apuros, mas confirmou o favoritismo e venceu por 68 a 62. 

A equipe ergueu o troféu pan-americano em cinco oportunidades: Cáli 1971, Indianapolis 1987, Winnipeg 1999, Santo Domingo 2003 e Rio de Janeiro 2007. Há quatro anos, em Guadajara, a equipe teve uma campanha vexatória e sequer passou da fase de grupos. Rumo ao hexa, o Brasil aguarda o resultado entre Estados Unidos e Canadá para conhecer seu adversário na decisão.

Cestinha na vitória por 93 a 83 contra os Estados Unidos na quinta, o ala-armador Vitor Benite repetiu a boa atuação e foi novamente o maior pontuador, com 18 unidades, além de cinco rebotes e uma assistência. Augusto Lima chegou ao duplo-duplo com 15 pontos e 11 rebotes. Larry Taylor contribuiu com 11 pontos.

Entre os dominicanos, o cestinha foi James Stokley, com 15 pontos e quatro rebotes. Andres Feliz e Angel Suero contribuíram com 11 unidades cada, ao passo que Edward Santana marcou oito pontos e pegou nove rebotes.

Fonte Gazeta Esportiva Foto Gaspar Nóbrega/Inovafoto/COB

UFC: Barão dá susto, mas bate peso e confirma revanche contra Dillashaw

Renan Barão pesagem UFC Chicago (Foto: Evelyn Rodrigues)

Agora é oficial! Renan Barão e TJ Dillashaw subiram à balança do UFC Chicago nesta sexta-feira (24) e, apesar de um pequeno susto do brasileiro, ambos os atletas alcançaram o limite de 61kg necessários para a revanche, válida pelo título dos pesos-galos da organização. Na primeira pesagem, Barão ultrapassou em 300g o limite, foi quando solicitou a toalha para se pesar sem a sunga, aí sim ficando no peso ideal.

Como era de se esperar, a encarada entre campeão e desafiante foi intensa. Dillashaw levantou ambos os braços para mostrar superioridade, mas Barão não se intimidou e deu um passo a frente, quase colando o rosto com o rival.

“Estou muito feliz com a minha oportunidade e amanhã é outra história, podem ter certeza”, declarou o brasileiro.

Na segunda luta principal da noite, as pesos-galos Jessica Eye e Miesha Tate também foram aprovadas no teste da balança. Primeiro representante do Brasil na noite, Edson Barboza cravou 70,5kg na balança e confirmou a luta contra Paul Felder no evento. O UFC Chicago acontece neste sábado (25), e terá transmissão exclusiva do Canal Combate a partir das 17h (horário de Brasília). Assine e não perca nenhum detalhe!

UFC: Dillashaw x Barão 2
25 de julho, em Chicago (EUA)
CARD PRINCIPAL- a partir de 21h (horário de Brasília)
Peso-galo (até 61,2kg): TJ Dillashaw (61,2kg) x Renan Barão (61,2kg)
Peso-galo (até 61,7kg)*: Miesha Tate (61,5kg) x Jessica Eye (61,7kg)
Peso-leve (até 70,8kg)*: Edson Barboza (70,5kg) x Paul Felder (70,5kg)
Peso-leve (até 70,8kg)*: Joe Lauzon (70,5kg) x Takanori Gomi (70,5kg)
CARD PRELIMINAR - a partir de 17h15m (horário de Brasília)
Peso-meio-pesado (até 93,4kg)*: Gian Villante (93kg) x Tom Lawlor (92,1kg)
Peso-leve (até 70,8kg)*: Jim Miller (70,3kg) x Danny Castillo (70,5kg)
Peso-meio-médio (até 77,6kg)*: Kenny Robertson (77,1kg) x Ben Saunders (77,3kg)
Peso-galo (até 61,7kg)*: Eddie Wineland (61,7kg) x Bryan Caraway (61,5kg)
Peso-leve (até 70,8kg)*: Daron Cruickshank (70,3kg) x James Krause (70,5kg)
Peso-leve (até 70,8kg)*: Ramsey Nijem (70,8kg) x Andrew Holbrook (70,5kg)
Peso-galo (até 61,7kg)*: Jessamyn Duke (61,5kg) x Elizabeth Phillips (61,2kg)
Peso-meio-médio (até 77,6kg)*: Zak Cummings (77,3kg) x Dominique Steele (77,3kg)

Por Portal no Ar *Com informações do site UFC.com.br Foto: Evelyn Rodrigues

COB faz balanço positivo da participação do Brasil no Pan

A judoca, Érika Miranda, conquistou o primeiro ouro do Brasil no Pan de Toronto (Foto: Márcio Fernandes/Estadão Conteúdo)

Faltando dois dias para o término dos Jogos Pan-Americanos de Toronto, o Comitê Olímpico do Brasil (COB) fez um balanço positivo do desempenho do País na competição, mesmo que a equipe brasileira ainda esteja 14 medalhas de ouro e 20 no total atrás de repetir o desempenho do Pan Guadalajara, em 2011, quando teve uma delegação menor. Este ano, o COB investiu R$ 10 milhões na missão que está em Toronto, em recursos provenientes da Lei Agnelo-Piva.

A entidade brasileira sempre considerou ser Top 3 nos Jogos Pan-Americanos a partir do número total de medalhas, e não no número de ouros – como é feita a contagem oficial do quadro de medalhas. “Nós defendemos o número total de medalhas muito em respeito ao atleta que conquista um bronze ou uma prata. Nós não podemos diminuir o atleta por isso, basta ver a vibração deles no pódio”, ponderou Carlos Arthur Nuzman, presidente do COB.

“Se nós fôssemos calcular só pelos ouros, a Guatemala tem seis medalhas de ouro e outros países têm mais medalhas e estão abaixo. Acho que a Guatemala melhorou bastante, mas não está acima de países como o Chile”, exemplificou Nuzman.

O dirigente enalteceu a renovação da delegação brasileira. “Temos mais de 70% de atletas brasileiros em Jogos Pan-Americanos pela primeira vez. É um número extraordinário e dá uma demonstração da renovação e do legado que os Jogos Olímpicos estão trazendo para o esporte brasileiro”, defendeu Nuzman.

“Tivemos modalidades que evoluíram. A canoagem, no slalom, tivemos 100% de aproveito, com cinco medalhas, uma delas de ouro. E em velocidade tivemos o Isaías Queiroz com três medalhas”, enumerou. O dirigente destacou ainda o recorde individual de medalhas conquistado pelo nadador Thiago Pereira.

Por Estadão Conteúdo Foto: Márcio Fernandes/Estadão Conteúdo

Amistoso entre Bolívia e Brasil, em abril de 2013, foi usado para desvio de renda

(Foto: Rafael Ribeiro/CBF)

Dirigentes da Federação Boliviana de Futebol são acusados de usar o amistoso entre a seleção brasileira e a Bolívia, no dia 6 de abril de 2013, para desviar dinheiro. A suspeita do Ministério Público boliviano é que a renda da partida disputada em Santa Cruz de la Sierra, que deveria ser revertida para a família do garoto Kevin Espada, morto em jogo da Copa Libertadores entre San Jose e Corinthians, acabou indo para o presidente da Federação Boliviana, Carlos Chávez, o secretário executivo Alberto Lozada e outros funcionários.

Os dois foram presos na semana passada acusados de formação de organização criminosa, legitimação de lucros ilícitos, uso indevido de influência, benefícios em razão do cargo, delitos tributários e de mexer com a circunstância agravante de múltiplas vítimas. Nesta quinta-feira, também foram detidos Jorge Justiniano e Pedro Zambrano, membros do Comitê Executivo da entidade.

“A realidade é que o Brasil jogou de forma gratuita para ajudar a família de Kevin. Carlos Chávez e outros dirigentes abusaram dessa boa vontade e das pessoas que pagaram suas entradas”, disse o procurador-geral da Bolívia, Ramiro Guerrero, em seus documentos.

Chávez é também tesoureiro da Conmebol. José Maria Marin, presidente da CBF à época, e responsável por costurar a realização do amistoso, está preso na Suíça, acusado de receber propina em outro caso da Traffic.

Para a partida entre as duas seleções, a arrecadação com bilheteria foi de US$ 550 mil. Após o pagamento de despesas, a Federação Boliviana anunciou que os pais de Kevin ficariam com apenas US$ 21,5 mil, o equivalente a 5% da renda. Mas parentes do garoto dizem que não receberam o dinheiro.

O MP da Bolívia também acusa Chávez de ter usado o amistoso para desviar recursos dos direitos de transmissão. Segundo o dirigente, a negociação teria sido feita com uma empresa argentina, mas os promotores alegam que a transação foi realizada em Santa Cruz de la Sierra.

Há suspeita de que os pagamentos foram feitos em contas fantasmas. Lozada indicou que existem duas contas oficiais em nome da federação e Chávez declarou que são três. O problema é que o banco informou ao Ministério Público que o total de contas chega a cinco. Ainda de acordo com o MP, cheques foram emitidos em nome de Lozada e seu filho sem qualquer justificativa.

Troca de correspondências entre Chávez e Marin obtida pela reportagem revela que os direitos de transmissão de tevê internacional e no Brasil foram da CBF e que 20% da publicidade estática seria destinada a patrocinadores da entidade. Procurada a CBF disse que não se pronunciaria.

Por Estadão Conteúdo Foto: Rafael Ribeiro/CBF

Alecrim inicia comemoração do centenário no próximo dia 5 de agosto

Presidente do Alecrim espera que população natalense participe das comemorações do centenário (Foto: Alberto Leandro)

Fundado no dia 15 de agosto de 1915, o Alecrim prepara para as comemorações do seu centenário. A diretoria do Alviverde já confirmou alguns eventos e espera contar com a participação de sua torcida e da população natalense.

As comemorações do Periquito começam no dia 5 de agosto com uma campanha de doação de sangue junto ao Hemonorte premiará os 100 primeiros alecrinenses doadores com uma camisa comemorativa ao centenário do clube.

“A intenção é mostrar a importância de doar sangue para o Hemonorte que é uma instituição que faz bem para toda a sociedade”, comentou o presidente do Alecrim, Washington Fernandes, a respeito da campanha solidária desenvolvida pelo clube alviverde.

No dia 14 de agosto, ocorrerá um baile festivo no bairro do Alecrim, que dá nome ao clube. A festa está prevista para iniciar às 21 horas e será seguida de queima de fogos à meia-noite, marcando o centenário alecrinense.

O dia do centenário esmeraldino, 15 de agosto, promete ser movimentado. Os dirigentes se encontrarão com torcedores em frente ao tradicional “Relógio do Alecrim” para a realização de ações sociais e panfletagem e haverá uma missa em ação de graças na igreja de São Sebastião. Além disso, um livro contando grandes momentos da história do Periquito será lançado no dia.

O presidente do Verdão, Washington, destacou que a intenção é que as comemorações aconteçam sempre no bairro que deu origem ao clube. “Estamos buscando que as ações sejam sempre no bairro do Alecrim, que é o bairro onde tudo começou”.

Washington ainda informou que solenidades na Câmara Municipal e na Assembleia Legislativa também estão previstas, mas as datas ainda não estão confirmadas.

O Alecrim foi fundado com o objetivo principal de ajudar as crianças pobres do bairro que lhe deu origem. O Periquito contou com um ex-presidente do país como goleiro do time, o potiguar Café Filho.

Por Ayrton Freire, Especial para o Portal No Ar Foto: Alberto Leandro

Sem Fabinho Alves, ABC divulga relacionados para encarar Sampaio

ABC embarque Leonardo Luiz (Foto: Jocaff Souza/GloboEsporte.com)

O técnico Toninho Cecílio convocou 19 jogadores para a primeira partida oficial sob o comando do ABC. Após estrear em amistoso contra o Corinthians, ele dirige a equipe alvinegra diante do Sampaio Corrêa, neste sábado, no Estádio Castelão, em São Luís. A base do time deve ser a mesma que vinha sendo utilizada por Gilmar Dal Pozzo, demitido após a derrota por 4 a 1 para o Paraná, na rodada anterior.

Entre os relacionados, as novidades são o retorno do volante Dedé, recuperado de lesão, e a presença do volante Neto, recém-chegado. O principal desfalque é o atacante Fabinho Alves, que cumpre suspensão automática. Toninho ainda não terá os meias Rafinha e Cleyton, recém-contratados, que estão em processo de regularização. Já o meia Ronaldo Mendes e o volante Neto Coruja estão no departamento médico.

Confira os relacionados:
Goleiros: Saulo e Gilvan;
Laterais: Reginaldo e Marcílio;
Zagueiros: Suéliton, Leandro Amaro, Leonardo Luiz e Maurício;
Volantes: Fábio Bahia, Rafael Miranda, Neto, Michel e Dedé;
Meias: Edno, Erivélton e Wellington Bruno;
Atacantes: Kayke, Rafael Oliveira e Bismark.

Fonte GE RN Foto: Jocaff Souza

Técnico do Mecão enaltece índice de Busatto, mas mantém mistério

Treino do América-RN (Foto: Carlos Cruz/GloboEsporte.com)

Após as duas graves falhas de Busatto contra o Vasco, pela Copa do Brasil, todos estão ansiosos para saber o que irá fazer o treinador Roberto Fernandes, do América-RN, no confronto contra o Botafogo-PB. Ele manterá o goleiro como titular ou dará uma oportunidade ao reserva Pantera? Em entrevista coletiva nesta sexta-feira 24, o comandante alvirrubro brincou ao dizer que gosta do clima de mistério e deixará a dúvida no ar até domingo, embora já tenha definido quem começa jogando em João Pessoa. 

- Quanto está tudo resolvido, eu só dou a escalação no dia do jogo, imagina com esse mistério aí... É bom que vocês vão ter assunto para debater até domingo. Eu continuo dizendo que não gosto de ficar fazendo troca de goleiros. Na hora que fizer, o goleiro que entrar vai ter sequência para que se possa ter uma avaliação mais justa. Então, se a gente optar por mudança, independente de como for a atuação do Pantera, ele vai ter uma sequência de jogos - declarou.

Embora a torcida esteja chateada com a atuação de Busatto, Roberto Fernandes fez questão de enaltecer números do goleiro e reforçou que a decisão sobre quem será o titular já foi tomada em comum acordo com a comissão técnica.

- Já está decidido. Só não quero divulgar. Pesamos como um todo, de uma forma geral, por mais críticas que sofra, por ironia de destino, o Busatto é o goleiro com menor índice de gols sofridos nos últimos dois anos. Ele sofreu menos gols que Andrey, Fernando Henrique e Dida. São coisas que a gente tem que pesar. As falhas sequentes também ocorreram. Mas pode ter certeza que a gente vai fazer o que é melhor para o América - completou.

O duelo entre Botafogo-PB e América-RN acontece no estadio Almeidão, as 16h00 do domingo dia 26. Será o encerramento do primeiro turno da primeira fase.

Fonte GE RN Foto: Carlos Cruz