quarta-feira, 9 de agosto de 2017

Na luta contra degola, ABC vive drama semelhante a anos anteriores; compare

Em 2013, ABC escapou do rebaixamento em reação surpreendente no segundo turno (Foto: Rodrigo Sena / VIPCOMM)

O ABC terá os 19 jogos do returno para se livrar do rebaixamento à Série C. Até o momento, o Alvinegro somou apenas 16 pontos, com uma campanha de quatro vitórias, quatro empates e 11 derrotas, o que deixa o time na penúltima posição do campeonato, a sete pontos do primeiro time fora do Z-4 da Série B - hoje, o Santa Cruz. Em 2013 e 2015, o Mais Querido viveu drama semelhante ao deste ano, em luta contra a degola.

Na primeira situação, em 2013, o ABC havia somado apenas 14 pontos - pontuação menor que a de hoje - ao fim do primeiro turno, mas conseguiu evitar a queda. Sob o comando de Roberto Fernandes, saiu da lanterna para fechar a competição na 14ª posição, quando marcou 46 pontos, mesma pontuação considerada como ideal pelo técnico Márcio Fernandes para evitar o rebaixamento neste ano.

Em 2015, o time encerrou a primeira parte da Segundona na 18ª posição, após somar 17 pontos - Toninho Cecílio era o técnico e deixou o clube justamente na virada de turno. O Mais Querido, porém, não conseguiu evitar a queda - teve ainda Hélio dos Anjos e Sérgio China como treinadores -, terminando a competição na mesma 18ª posição, com 32 pontos. Naquele ano, chegou a acumular uma sequência de 19 partidas sem vencer - o que equivale a um turno inteiro.

Para buscar a reabilitação no campeonato deste ano, o ABC se prepara para o início do segundo turno, quando, logo nas seis primeiras rodadas, vai enfrentar três adversários diretos na luta para escapar da degola. A jornada tem início no próximo sábado, quando encara o Paraná em Curitiba. Em seguida, recebe o Internacional no Frasqueirão. Na sequência, joga contra o Vila Nova em Goiânia e, depois, começam os confrontos contra equipes que hoje brigam contra o rebaixamento ou rondam o Z-4: Santa Cruz (casa), Paysandu (fora) e Figueirense (casa).

Confira os números abaixo:
2013
20ª posição
14 pontos (3 vitórias, 5 empates, 11 derrotas, 15 GP, 32 GC)
6 pontos de desvantagem em relação ao primeiro clube fora do Z4 - Atlético-GO

2015
18ª posição
17 pontos (4 vitórias, 5 empates, 10 derrotas, 19 GP, 31 GC)
5 pontos de desvantagem em relação ao primeiro clube fora do Z4 - Boa Esporte

2017
19ª posição
16 pontos (4 vitórias, 4 empates, 11 derrotas, 15 GP, 26 GC)
7 pontos de desvantagem em relação ao primeiro clube fora do Z4 - Santa Cruz

Por GE RN Foto: Rodrigo Sena / VIPCOMM