segunda-feira, 6 de novembro de 2017

Beach Soccer: Brasil é tricampeão da Copa Intercontinental


Título e invencibilidade mantida. Em Dubai, nos Emirados Árabes, o Brasil conquistou mais uma vitória neste sábado (4). Na grande decisão da Copa Intercontinental Dubai 2017, a Seleção venceu Portugal por 2 a 0 e chegou ao tricampeonato do torneio. Marcaram no triunfo brasileiro: Bokinha e Filipe. O resultado aumentou a sequência invicta da equipe comandada por Gilberto Costa para 47 jogos.

Na arena montada em Business Bay, o clássico internacional começou como uma partida de xadrez. Sem grandes oportunidades criadas, o primeiro período terminou 0 a 0. Na segunda etapa, a Canarinho veio para cima e decidiu. Aos sete minutos, Bokinha aproveitou boa jogada de Lucão para finalmente balançar as redes. Três minutos depois, Filipe recebeu belo passe do capitão Bruno Xavier e ampliou: 2 a 0 Brasil. No último período, os portugueses tentaram o empate, mas sem sucesso. Vitória verde e amarela e título garantido.

Esta foi a 40ª vitória brasileira sobre os lusitanos em 48 confrontos – o Brasil já havia vencido os rivais na primeira fase do torneio por 4 a 1. Com mais de 300 jogos pela Seleção, Mão foi eleito ‘Melhor Goleiro’ e Rodrigo foi escolhido ‘Melhor Jogador’. 

– Todos estão de parabéns porque, para chegar ao título, fizemos valer o que temos de melhor: nosso jogo coletivo, nossa união, a maneira como jogamos como uma equipe, todos correndo por todos e deixando o máximo em quadra. Fico muito feliz por fazer parte desse grupo, os resultados que conquistamos são frutos do trabalho e do comprometimento que temos com essa camisa, que é maior que qualquer um. É um orgulho para todos aqui defender o nosso país, e é ainda melhor poder comemorar conquistar importantes para o nosso esporte – vibrou Rodrigo.

TRAJETÓRIA DO CAMPEÃO
Dia 31 – Egito 3 x 11 BRASIL 
Dia 1 – BRASIL 4 x 1 Portugal 
Dia 2 – Emirados Árabes 4 x 15 BRASIL 
Dia 3 – BRASIL 6 x 4 Irã (semifinal)
Dia 4 – BRASIL 2 x 0 Portugal (final)

A Seleção Brasileira tem patrocínios de Ultrafarma / Sidney Oliveira e Nike, e apoios de Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e Marinha do Brasil

Por Site da CBF Divulgação/CBSB