sexta-feira, 21 de julho de 2017

Brasil faz 3 a 0 na Bélgica em Cuiabá e reage no Grand Prix


Oscilando ao longo da partida, a seleção brasileira feminina de vôlei venceu a Bélgica nesta quinta-feira e reagiu no Grand Prix. As comandadas do técnico José Roberto Guimarães venceram por 3 sets a 0, com parciais de 28/26, 25/19 e 25/20, no ginásio Aecim Tocantins, em Cuiabá (MT).

Com o resultado, o Brasil se recupera em parte dos tropeços sofridos na semana anterior do Grand Prix, se coloca em melhor situação visando a vaga na fase final da tradicional competição. Do sétimo lugar, subiu para o quarto, entrando na zona de classificação. A Bélgica ocupa a última colocação.

Zé Roberto escalou a seleção nesta quinta com Roberta, Tandara, Adenízia, Carol, Natália, Rosamaria e a líbero Suelen. E, diante do jovem time belga, a equipe brasileira oscilou nos três sets, entregando 17 pontos ao rival apenas com seus erros – as belgas entregaram dez. Em compensação, as brasileiras se destacaram no bloqueio, com 13 pontos neste fundamento. As belgas anotaram apenas dois.

A seleção brasileira começou atrás no placar, ao ver a Bélgica abrir 8/4 no placar do set inicial. O time nacional foi para cima e buscou o empate. No entanto, as belgas voltaram a dianteira do placar e fizeram até 17/14. Novamente o Brasil igualou e virou em 19/18. Daí em diante, as duas seleções se alternaram no placar até que as donas da casa fecharam em 28/26

A segunda parcial se manteve equilibrada até que o Brasil fez 16/15. A Bélgica caiu de rendimento na reta final do set e viu as brasileiras abrirem seis pontos para fechar em 25/19.

Última parcial do jogo, o terceiro set começou com pequena vantagem das brasileiras, que ampliaram a dianteira aos poucos, até fazerem 16/11. As belgas endureceram nos pontos finais e as brasileiras desperdiçaram dois match points, no 24/18, antes de fechar o jogo, com 25/20.

O Brasil volta à quadra, na capital do Mato Grosso, nesta sexta-feira para enfrentar a Holanda. Depois, encerrará sua participação nesta semana do Grand Prix diante dos Estados Unidos, no domingo.

Fonte Portal No Ar